domingo, 2 de setembro de 2012

Na Patagónia

Na Patagónia é um livro do mundialmente famoso escritor inglês Bruce Chatwin.
Bruce Chatwin é, provavelmente, um dos mais aclamados escritores de viagens do século XX. Entre vários outros livros destaque para o seu Na Patagónia, o relato de uma viagem de seis meses por um dos mais inóspitos e perturbadores pontos do globo e também dos mais narrados entre os escritores de viagens.
Na Patagónia é um verdadeiro clássico na literatura de viagens e um dos mais conhecidos exemplos dentro do género. O fascínio que o sul do continente americano tem exercido sobre tantos não pode ser mera coincidência. Entre muitos outros, Paul Theroux e Luis Sepúlveda são dois magníficos exemplos sobre a forma como a Terra do Fogo tem polvilhado o imaginário de tantos viajantes.
Chatwin, um verdadeiro diletante mas escritor de mão-cheia, é verdadeiramente um excelente contador de estórias. As longas páginas do mais célebre dos seus livros estão repletas de maravilhosos momentos perfeitamente narrados por um artista da palavra. É através da busca de uma memória de infância que vamos calcorreando a Argentina e o Chile e vamos conhecendo não apenas as extraordinárias paisagens mas também as mais rocambolescas histórias esquecidas de heróis e anti-heróis.
Não obstante o brilhantismo de Na Patagónia e do seu autor a verdade é que não é com este género de narrativa de viagem que mais nos identificamos. Faltou emotividade e ligação com a realidade experienciada mas este é, inquestionavelmente, um grande livro.

Sem comentários: